Quantos andam por aqui?

20 de junho de 2010

Mas qual é o meu problema?!

Não sei. Sinceramente, não faço a mínima ideia. Estou desmotivada, sem vontade para fazer nada. É nestas alturas que duvido das minhas capacidades. Para que é que eu sirvo? Para nada.



Apetece-me mandar tudo para as urtigas!

7 comentários:

Martins disse...

Estás com uma crise artística, que só por si já significa que dentro de ti mora uma alma de artista. Todo o artista tem um momento nas suas vidas em que coloca as suas capacidades em dúvida. Não desesperes, simplesmente relaxa e não penses muito nisso.

*_IRINA_* disse...

Não sejas pessimista e não mandes tudo às urtigas.

Dá tempo ao tempo, descansa e voilá... As boas energias voltarão...

Mil pétalas...

Sac do Amor disse...

A verdade é que não descobrimos para que servimos até que venha alguém e nos dê aquele empurrãozinho para a frente... como dizia Gertrude Stein: "Adoro incentivo. O que eu faço sem incentivo?"

Espero que aches alguém (ou algo) que te motive. És uma rapariga tão inteligente? Não deves ficar assim.

Se esse alguém ou essa coisa não aparecer logo, não percas tempo, vá atrás!!!

Abraços no teu coração,
Monsieur Cvet z Juga.

Artamidae disse...

concordo que o incentivo é essencial.
às vezes, esse é o problema maior.
força. beijinho. ;-)

tanya disse...

Ai mulher que pessimismo se apoderou de ti! Acho que é normal todos termos esses momentos mais "down" que eventualmente passam, portanto tu não tens nenhum problema, ouviste??!!

Lia disse...

bora lá animar? sim?

todos passamos por fases em que a vida, pura e simplesmente, não faz sentido... mas depois tudo volta aos eixos!
força e pensamento positivo, boa?

Leila Reis disse...

calma... já passaste por outros momentos assim, e ultrapassaste.
tens é de ter muita calma.