Quantos andam por aqui?

12 de outubro de 2008

Destino (?)


Eu não acredito nesta coisa do destino. Acho que esta coisa de se dizer "estava já marcado" ou "tinha que ser...". Acredito sim, que se trabalhar-mos bem e quisermos mesmo alguma coisa isso acontece. Esta ideia do destino veio-me à cabeça quando me lembrei dum filme muito engraçado, que não me lembro o nome. 2 pessoas conhecem-se e trocam o número de telefone: uma escreve num livro e a outra numa nota. A que escreveu o nº no livro dá-o para venda e a da nota compra umas pastilhas. Se estiver destinado a conhecerem-se melhor hão-de receber os objectos com o número. É claro que no fim eles encontram-se e vivem felizes para sempre. Eu gostava de acreditar nisto, mas é claro que não acredito. Sempre fui ensinada a não acreditar em nada disto, a ter de trabalhar para ter as minhas próprias coisas. E é este pensamento que me dá vontade de trabalhar - ter as minhas coisas! Ganhar a minha independência. E quando tiver as minhas coisas posso dizer que as ganhei porque me esforçei, porque mereci. Agora essa coisa do "estava destinado"? Pff!

2 comentários:

Buh! disse...

quem é q iria ao cinema ver a vida real?

amo a foto

e a fotografa tbm :$

I.C.J.F. disse...

hahaha 'quem é que iria ao cine ver a vida real' xD
mas é verdade dani..nada disso conta, nós mulheres (mulheres a sério..como nós) que precisamos daquilo que merecemos ter, esperamos nem que seja muito tempo pelo principe ideal, e acredita ha-de ser aquele que nos ve a passar uma vergonha, que nos lança um olhar e que no segundo seguinte tropeçamos...que nos sorri enquanto temos espinafres no canto da boca :D seja o que seja, merecemos, e nao nos importamos de esperar pelo cavado do principe..quero eu dizer pelo cavalo com o principe em cima...gosto muito de ti* e nao havemos de ficar para tias deixa la!