Quantos andam por aqui?

11 de abril de 2008

Ninguém me conhece


É uma pena que ninguém me conheça. Que ninguém saiba o que eu penso, o que eu quero. Por vezes quero que o vento leve algumas pensamentos, mágoas, ideias... Não quero magoar ninguém. Não tenho esse direito. Mas torna-se tão difícil, tão difícil mesmo, não magoar.
Vivemos numa redoma de vidro, e temos medo que alguma palavra a rache e começe a partir-se. Não consigo guardar isto para mim. Palavras, pensamentos, sentimentos, ideias... Porquê? Isto mexe comigo e já não sei quem sou. Ninguém sabe quem eu sou.
Como querem que ajude alguém, se eu mal me conheço?

1 comentário:

Buh! disse...

eu conheço! és uma pessoa maravilhosa. mereces tudo de bom :)