Quantos andam por aqui?

22 de maio de 2015

Do coração. XXIII

Imaginem isto: a pessoa do vosso afecto, aquela pessoa que só de ouvirem o nome vos arranca um suspiro, lida com centenas de pessoas por semana, todas as semanas, durante meses. E, vindo do nada e sem nada prever, vos diz que o vosso nome é dos poucos nomes que se lembra. Como é que reagiriam? Eu, se querem saber, fiquei sem palavras e com um sorriso de orelha a orelha.

Sem comentários: